terça-feira, 3 de abril de 2018

you're incandescent



Na última semana, tenho ouvido músicas de quase que só três artistas incansavelmente. Como se eu só tivesse um ou dois humores; o terceiro aparecendo para eu me sentir um pouco mais complexa. Tenho muita dificuldade em me apaixonar por coisas novas e sempre acabo correndo de volta para os braços das mesmas músicas. Me pergunto se isso vale para outras esferas da minha vida, e talvez eu sempre busque refúgio nos mesmos lugares, nas mesmas pessoas. Essas fotos de meados do ano passado me mostram algumas dessas pessoas em alguns momentos para os quais seria bom voltar de vez em quando.














(O time do São Paulo sempre servindo de ótima metáfora para a minha experiência humana na Terra: mediano na maior parte do tempo & surpreendentemente chegando mais longe do que imaginávamos; essa foto tirei no Pacaembu, em mais uma das viradas no placar que salvaram o time do rebaixamento no Campeonato Brasileiro)

2 comentários:

  1. Essas fotos analógicas são muito lindas! Amei <3

    ResponderExcluir
  2. Esse catiorineo de orelineas viradas aaaaaaa *.*
    Eu gosto tanto dos seus registros com seus amigos, com momentos espontâneos.

    Ba, também tenho umas reflexões assim as vezes. Só que eu gosto de ouvir coisas novas, mas não sou mais tão empenhada quanto antes, de ficar cançando coisinhas pra ouvir. Sinto falta disso.

    Foi nessas que descobri Kate Nash (alô last fm). Ela é sensacional.

    ResponderExcluir